terça-feira, março 03, 2009

As seis edições do Waimea 5000 (1976 - 1982)

Os Waimea 5000 foram os primeiros campeonatos internacionais de surfe no Brasil, válidos pelo circuito mundial, organizado na época pela International Professional Surfing (IPS). Eram patrocinados pela surfshop Waimea, de Nelson Machado; o complemento era uma referência aos US$ 5 mil de premiação.
Quase todas as seis edições realizadas entre 1976 e 1982 foram no Arpoador; a de 1977 foi concluída no Quebra-Mar e a de 1981 na Prainha. De 1977 em diante, a competição passou a usar o formato de disputa homem-a-homem.
Dois brasileiros venceram nos primeiros anos: Pepê Lopes e Daniel Friedman; Pepê também foi vice. Outros três disputaram finais: Ismael Miranda, Valdir Vargas e Roberto Valério. A lista de talentos nacionais nos espelhos de bateria é ampla: Cauli Rodrigues, Frederico D'Orey (ambos semifinalistas), Alex Salazar, Carlos Veiga, Jefferson Cardoso, Rico de Souza, Otávio Pacheco, Mauro Pacheco, entre outros.
Em todos os Waimea 5000 o Brasil teve um representante entre os quatro melhores.
Após a edição de 1982 o Brasil saiu do tour mundial; só retornou quatro anos depois, com o Hang Loose Pro na Joaquina.

1976 - Pepê Lopes (RJ)/Jeff Crawford (EUA)
1977 - Daniel Friedman (RJ)/Pepê Lopes (RJ)
1978 - Cheyne Horan (AUS)/Peter Townend (AUS)
1980 - Joey Buran (EUA)/Ismael Miranda (RJ)
1981 - Cheyne Horan (AUS)/Valdir Vargas (RJ)
1982 - Terry Richardson (AUS)/Roberto Valério (RJ)

2 Comentários:

bertto disse...

quem curtiu o waimea5.000,nunca esquecera. o waemea e eterno para quem conheceu.
Que saudade daquele Arpoador lotado.

Beth disse...

Oi,
Estou fazendo um trabalho sobre o Waimea, e li que tem um super 8 do evento do Edu Olinto, preciso saber a duração do filme e se foi em pb ou colorido. Pode me ajudar?