quarta-feira, outubro 31, 2007

1987 - ASP 11: 2º Hang Loose Pro

2º Hang Loose Pro
11ª etapa do Circuito Mundial - nível 1A
Local: Praia da Joaquina, Florianópolis, Brasil
Data: 9 a 13 de setembro de 1987

Resultado
1º. Tom Carroll (AUS)
2º. Mark Sainsbury (AUS)
3º. Stuart Bedford Brown (AUS)
3º. Dave Macaulay (AUS)
5º. Mike Parsons (EUA)
5º. Charlie Khun (EUA)
5º. Bryce Ellis (AUS)
5º. Todd Holland (EUA)

Final: Tom Carroll 121.5 d. Mark Sainsbury 103.7

Semifinais
Mark Sainsbury 79.8 d. Stuart Bedford Brown 77.5
Tom Carroll 96.6 d. Dave Macaulay 83.5

Quartas-de-final
Mark Sainsbury 94.2 d. Mike Parsons 80.3
Stuart Bedford Brown 87 d. Charlie Khun 76.3
Dave Macaulay 81.7 d. Bryce Ellis 60
Tom Carroll 91 d. Todd Holland 82.3

Oitavas-de-final
Mike Parsons 95 d. Gary Taylor 79.2
Mark Sainsbury 84 d. Gary Clisby 75.2
Stuart Bedford Brown 90.6 d. Pierre Tostee 84.5
Charlie Khun 88.8 d. Dadá Figueiredo 54.5
Bryce Ellis 77 d. Pedro Muller 64.2
Dave Macaulay 94.2 d. Ross Clark Jones 87.3
Todd Holland 91.5 d. Wes Laine 75
Tom Carroll 91.3 d. Brian McNulty 80.8

Round 2
Mike Parsons d. Terry Richardson
Gary Taylor d. Mark Occhilupo
Gary Clisby d. Cheyne Horan
Mark Sainsbury d. Glen Winton
Pierre Tostee d. Shaun Tomson
Stuart Bedford Brown d. Brad Gerlach
Charlie Khun d. Graham Wilson
Dadá Figueiredo d. Barton Lynch
Pedro Muller d. Damien Hardman
Bryce Ellis d. Chris Frohoff
Ross Clark Jones d. Hans Hedemann
Dave Macaulay d. Richard Marsh
Todd Holland d. Martin Potter
Wes Laine d. Greg Anderson
Tom Carroll d. Octaviano Bueno
Brian McNulty d. Mitch Thorson

Round 1
Graham Wilson d. Jojó de Olivença
Chris Frohoff d. Fernando Bittencourt
Greg Anderson d. Tinguinha Lima
Gary Clisby d. Almir Salazar
Dadá Figueiredo d. Merrick Davies
Terry Richardson d. João Jabour
Brian McNulty d. Felipe Dantas
Pedro Muller d. Rob Page
Richard Marsh d. Kirk Tice
Pierre Tostee d. Dino Andino
Todd Holland d. Simon Law
Stuart Bedford Brown d. Marty Thomas
Mark Sainsbury d. Scott Farnsworth
Garry Taylor d. Matthew Pitts
Octaviano Bueno d. Jamie Brisick
Ross Clark Jones d. Paulo Kid

Resultado Star Point Trials
1º. Gary Taylor (AUS)
2º. Fernando Bittencourt (RJ)
3º. Mark Sainsbury (AUS)
4º. Jojó de Olivença (BA)


Informações complementares
Segundo artigo de Marcos Bicudo no jornal O Estado, "os organizadores tiveram que lutar contra uma corrente maior do que o mar de sexta-feira, primeiro dia do evento. Crises, incertezas, um governo que ignorou a realização do Hang Loose, um mau tempo que durou o evento inteiro, condições adversas do mar (o vento sul) (...) Carroll deu o maior show que já presenciei na Joaquina (...) o cutback que ele deu contra o brasileiro Taiú vai ficar na história do surfe".
O então bicampeão mundial Tom Curren novamente não veio ao Brasil, assim como outros três top 16: Wes Laine, Dave Parmenter e Gary Green (eles foram substituídos pelos back 14 Dave Macaulay, Greg Anderson e Graham Wilson).
Os wildcards foram Paulo Kid e Otaviano Bueno.
A competição começou com ondas de dois metros e vento sul (no primeiro dia houve um adiamento, pois as ondas chegavam aos 10 pés de altura). Foi usado um sistema computadorizado no julgamento, desenvolvido pela empresa carioca Bit e Bayte - segundo a matéria, foi somente a quarta vez que computadores foram usados em um mundial de surfe. Equipe de juízes: Renato Hickel, Arnaldo Spyer (head judges), Jordão Bailo, Júnior, Alexandre Fontes, Leôncio Araújo, Lucídio, Sérgio Parrá, Rômulo Fonseca, Sérgio Gadelha e Marcelo Spinelli.
Pena e Zeca trasmitiram a programação da Antena 1 diretamente da Joaquina - U2, The Cure, Dead Kennedys, Cólera, Inocentes e Legião Urbana estavam entre os mais tocados.
A triagem foi patrocinada pela surfshop Star Point, teve seis fases e 146 inscritos - 128 brasileiros e 38 estrangeiros. Artigo de Marcos Bicudo no jornal O Estado comenta a eliminação de alguns favoritos logo na estréia: Cauli Rodrigues, David Husadel, Picuruta Salazar, Sérgio Noronha, Bilo, Mauro Pacheco e Cláudio Marroquim. Cauli perdeu a prancha durante a bateria e ficou vinte minutos "desaparecido" - a competição foi interrompida enquanto outros surfistas o procuravam na água.
Fernando Bittencourt liderou a final do trials até a última onda, quando Gary Taylor virou o resultado.
O ranking mundial era liderado por Barton Lynch, que já havia vencido três etapas no ano (África do Sul, Califórnia e França), mas perdeu na estréia no Brasil.
Mark Sainsbury havia se tornado campeão mundial júnior pouco antes do evento e "foi a sensação do campeonato"; foi vice no evento principal e 3º no trials.
Tom Carroll voltou aos top 16 com a vitória. Foi sua primeira conquista na temporada - mas ele já havia vencido no ano, o Coke, última etapa da temporada anterior.
Shaun Tomson completou 32 anos durante o evento e foi homenageado por manter-se há onze anos entre os top 16.
Espelho de bateria
Fonte: jornal O Estado.

Mais: Todas as etapas do Mundial 1987
Todos os eventos cadastrados de 1987

2 Comentários:

surf4ever disse...

Aí Gustavo, as fotinhos nos posts de outubro ficaram show! Na minha opinião deu altos toque, ficou sutil, marca cada post, muito bom mesmo!
Parabéns aí novamente pelo excelente trabalho que tem sido realizado aqui no SC.
Abraço,
Gustavo

Surfe Catarinense disse...

Pois é Gustavo, me rendi aos fatos, colocar fotos dá mais trabalho e não é o foco da pesquisa, mas a apresentação realmente fica mais agradável e dá pra ter uma idéia melhor das condições dos eventos. Valeu a sugestão, foi dali em diante que larguei a teimosia. abx

ah, muito bom aquele vídeo no surf4ever só com wipeouts.